DINÂMICA DA SEGURANÇA DO TRABALHO NO BRASIL – DDS.


A espinha dorsal da Segurança do Trabalho é, e sempre será a prevenção dos acidentes.

Quando surgiu a Segurança do Trabalho no Brasil, toda a prevenção que se pretendia realizar era baseada nos exemplos dos infortúnios já ocorridos, ou seja, o acidente ocorria e só depois do acontecido, é que as pessoas se preocupavam em tentar corrigir o incorrigível para aquela situação, pois, já tinha mutilado ou matado o trabalhador.

Os empresários de modo geral, por não possuírem conhecimento técnico e até mesmo dos prejuízos do acidente para o empregado e principalmente para a sua empresa, negligenciavam em muito a prevenção.

Dessa forma, inconscientemente ou não, falhavam sempre na procura de uma solução a fim de corrigir os efeitos trágicos de um acidente.

Assim, centenas de vidas foram ceifadas do nosso convívio, e milhares de outros trabalhadores ainda se encontram inválidos para o trabalho.

Hoje é diferente, graças aos Técnicos, Engenheiros e Médicos, a segurança do trabalho que se procura praticar nas empresas, é baseada em estudos técnicos e científicos que procura identificar as não conformidades antecipadamente na fonte, elaborando e aplicando medidas para que não venha ocorrer o acidente.

Para prevenir os acidentes, é necessário que ferramentas eficientes de conscientização sejam utilizadas e treinamento adequado para os colaboradores e principalmente a pro atividade profissional.

Mas, posso dizer com segurança que o planejamento continua  sendo a  pedra fundamental na prevenção.

Comentários

Postagens mais visitadas

O USO DO LEITE COMO DESINTOXICANTE NAS INDÚSTRIAS – DDS.

Fábula da xícara cheia – DDS de reflexão.

QUANTO CUSTA UM ACIDENTE? – DDS