Você trabalha com produtos pirofóricos – DDS.

A grande maioria das indústrias químicas e petroquímicas de 2ª geração utiliza produtos pirofóricos no seu processo, isso envolve riscos de manuseio, armazenagem, processo e manutenção.

Os principais produtos pirofóricos utilizados em plantas petroquímicas são os co-catalisadores Alquil-alumínio, com destaque para:
 
Teal - Trietilalumínio, Tibal - Trisobutilalumínio e DEAC - Cloreto Dietilalumínio.

Esses produtos chegam às fábricas em contêineres de várias capacidades que são conectados às centrais de catalisadores para ser dosados no processamento.

No processo, são usados em diversas percentagens, diluídos em solventes como o hexano, ou ainda podem ser dosados a 100% dependendo do produto final a ser obtido.

Os líquidos pirofóricos reagem violentamente com água e até mesmo com o ar atmosférico, essa reação é chamada de exotérmica (libera energia) e provoca calor intenso, forma óxido de alumínio, fumaça densa e escura, podendo ainda ocorrer a formação de solventes residuais e conseguente explosão.

Equipes de operação e de manutenção precisam estar integradas e treinadas quanto à utilização e manuseio seguro de catalisadores.

Nos trabalhos com esses produtos a prevenção tem papel de suma importância e deve contemplar os seguintes aspectos:

Análise dos riscos da atividade e liberação dos trabalhos somente com PT;

Check-list que garanta a manutenção preventiva dos contêineres, tanques, válvulas, flanges, tubings e plugs fusíveis;

Manter as áreas de manutenção e processo, limpas e organizadas;

Disponibilizar no local de execução dos trabalhos, equipamentos de combates a incêndio: extintores, vermiculita, areia seca, etc.;

Nos trabalhos de manutenção de sistemas, certificar-se que todos os equipamentos foram adequadamente, drenados, purgados, portanto, isentos de misturas e  resíduo de pirofóricos;

Usar os EPI’s indicados e ter certeza de sua proteção efetiva.

Acautele-se ao manusear produtos pirofóricos, não permaneça com nenhuma dúvida e somente realize trabalhos para os quais foi treinado.

Divida com seus colegas as experiências positivas adquiridas.

Comentários

Postagens mais visitadas

O USO DO LEITE COMO DESINTOXICANTE NAS INDÚSTRIAS – DDS.

Fábula da xícara cheia – DDS de reflexão.

QUANTO CUSTA UM ACIDENTE? – DDS