Segurança - DDS.

SEGURANÇA - É a ausência do perigo no curso do trabalho.
 
ATIVA - Prevê o acidente antes que o mesmo ocorra.
 
PASSIVA - Toma medidas para que não se repita um acidente já ocorrido.
 
PERIGO - É a exposição relativa a um risco que favorece a sua materialização.
 
RISCO - É a possibilidade de ocorrer um evento indesejável, causador de danos.
 
INCIDENTE - Uma ocorrência que não tenha causado vítimas e ou danos materiais.
 
DANO - Perda funcional, material ou econômico decorrente do acidente.
 
FALHA - Mau desempenho que pode resultar em risco em acidente.
 
CUSTOS DIRETOS - São os custos que podem ser contabilizados, como as indenizações, prêmios de seguros, gastos com assistência médica e socorro, salário do empregado, etc..
 
CUSTOS INDIRETOS - São as consequências que resultam para a empresa como o tempo perdido pelo acidentado, produção perdida pelo acidente, pelas reparações materiais e treinamento do substituto do acidentado.
 
Evitar acidente é dever de todos, se você sabe o que é omissão, não seja inerte com o futuro da sua profissão.
 
 
Para uma categoria profissional a tristeza de não haver vencido é a vergonha de não ter lutado!
Pense nisso!

Comentários

Postagens mais visitadas

O USO DO LEITE COMO DESINTOXICANTE NAS INDÚSTRIAS – DDS.

Fábula da xícara cheia – DDS de reflexão.

QUANTO CUSTA UM ACIDENTE? – DDS