Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2015

VOE MAIS ALTO! - autoajuda DDS.

Logo após a 2ª Guerra Mundial, um jovem piloto inglês experimentava o seu frágil avião monomotor numa arrojada aventura ao redor do mundo. Pouco depois de levantar voo de um dos pequenos e improvisados aeródromos da Índia, ouviu um estranho ruído que vinha de trás do seu assento. Percebeu logo que havia um rato a bordo e que poderia, roendo a cobertura de lona, destruir o seu frágil avião. Poderia voltar ao aeroporto para se livrar de seu incômodo, perigoso e inesperado passageiro. Lembrou-se, contudo, de que os ratos não resistem a grandes alturas. Voando cada vez mais alto, pouco a pouco cessaram os ruídos que quase colocaram em perigo a sua viagem. Moral: Se o ameaçarem destruir por inveja, calúnia, maledicência, diz que diz, voe mais alto.

Choque elétrico - DDS.

O fluxo da corrente é que causa danos ao organismo em caso de um choque elétrico. Quando uma pessoa se torna parte de um circuito elétrico, a severidade do choque é determinada por 3 fatores básicos: A - A taxa do fluxo da amperagem que atravessa através do corpo; b - O percurso da corrente através do corpo; c - O tempo com que o corpo foi parte do circuito. A eletricidade pode se deslocar somente quando há circuito completo. O choque pode ocorrer quando o corpo faz contato com ambos os fios de um circuito (o positivo e o neutro), um fio de circuito energizado e a terra, ou uma parte metálica de um dispositivo elétrico que tenha sido energizado. As mulheres possuem menor resistência ao choque elétrico do que os homens, em função da constituição orgânica e de outros fatores tais como, condição física, a umidade da pele, podem determinar a quantidade de eletricidade que um corpo humano pode tolerar. Infelizmente, o corpo humano não possui qualquer proteção interna contra o fluxo de corrente e…

A trajetória de um profissional – Reflexão para o dia 27 de novembro.

Companheiros (as), você que está iniciando nesta nobre profissão de Técnico em Segurança, posso falar sem medo de errar que ela requer habilidade, dedicação e amor o tempo todo. Se você ainda é novo na área,  tem muito que aprender, estude aproveite a experiência do colega e nunca perca tempo em invejá-lo por razões adversas, caso não goste da profissão, vá à luta, mude de emprego, mostre seu talento em outra profissão, faça acontecer sem pensar ao menos em puxar o saco do chefe. E se isso já está acontecendo, é porque provavelmente ainda não despertou em você a verdadeira vocação pela prevenção e a necessidade de obter as habilidades que precisa para crescer como Técnico em Segurança do Trabalho. Porém, não podemos esquecer que nem sempre mesmo como técnico, não estamos em posição que se possa escolher, principalmente guando ainda não temos a experiência/habilidades necessária, observe a hora certa de mudar de emprego e ou modificar a sua postura profissional para criar condições para r…

Parabéns aos prevencionistas brasileiros.

Como estarei fora da Cidade do Rio de Janeiro amanhã dia 27, estou reproduzindo algumas reflexões alusivas às comemorações do dia do Técnico e do Engenheiro em Segurança do Trabalho. Texto 01 - Dia do Técnico / Engenheiro em Segurança do Trabalho. O dia 27 de Novembro é o mais indicado para esta homenagem por tratar-se da data da promulgação da Lei nº 7410/85, que regulamentou as profissões de Engenheiros e dos Técnicos em Segurança do Trabalho, porém, não podemos confundir com o dia 27 de julho que é celebrado o Dia Nacional da Prevenção de Acidentes de Trabalho. Dê qualquer forma, não posso deixar de parabenizar a todos os prevencionista que de alguma forma, estão colaborando para a redução dos infortúnios laborais no Brasil. Marcio Santiago  Vaitsman Texto 02 – Salve 27 de Novembro. Vinte e sete de novembro sempre será lembrado porque é um momento especial para nós, um momento de comemoração para os que labutam na área da prevenção, especialmente para os Técnicos em Segurança do Trabalho…

FERRAMENTAS E EQUIPAMENTOS - DDS.

Os pequenos e grandes acidentes geralmente acontecem da mesma maneira. Os eventos que acabam em acidentes são os mesmos, porém os resultados são bastante diferentes. Suponhamos, por exemplo, que um martelo esteja frouxo no cabo: Um dia um colaborador tenta usá-lo, batendo em um objeto em cima da bancada. A cabeça do martelo solta para longe, batendo em uma parede de concreto, caindo ao chão, não ferindo ninguém e não causando qualquer dano a propriedade. Em outra ocasião, quando a cabeça do martelo sai do cabo, ela vai de encontro a uma pessoa que estava passando por perto, ferindo-a seriamente. As circunstâncias foram inicialmente às mesmas em ambos os casos, mas os resultados foram diferentes. E lembre-se que a verificação se as ferramentas e equipamentos estão em ordem é o primeiro passo, não apenas para uma operação segura, mas também, para uma operação eficiente. Podemos afirmar que dez por cento dos acidentes que ocorrem dentro de uma empresa, está relacionado com ferramentas inadequada…

Comunique-se para integrar - DDS.

Para as empresas de modo geral, a comunicação é a principal ferramenta para estabelecer parcerias e comprometimentos entre todas as pessoas, independente de seu nível dentro da organização, sempre é tempo para melhorarmos o sistema de comunicação, primeiro para manter o estímulo à motivação e ao comprometimento e segundo para consolidar o processo de melhoria contínua. Quanto melhor for a comunicação, maior será a possibilidade de acerto e melhor será o acompanhamento dos resultados alcançados. Para uma boa comunicação é necessário que se garanta os seguintes critérios: Cultivar o respeito entre pares, líderes e liderados; Estabelecer ambiente de cordialidade receptividade permanentemente; Saber ouvir o colega, o subordinado ou chefe é fundamental; Ninguém é tão autossuficiente que não precise aprender nada, e ninguém é tão deficiente que não possa contribuir com nada; Todas as pessoas têm valores que precisam ser preservados e o comportamento, caminho comum final, deve ser permanentemente …

27 de novembro: Dia de lembrar o profissional prevencionista.

Os trabalhadores contam com dois aliados na linha de frente na luta pela promoção e execução da proteção ao trabalho. Tanto os engenheiros de Segurança do Trabalho quanto os técnicos de Segurança do Trabalho caminham juntos em busca dos mesmos objetivos, que são o de assegurar condições mais dignas de saúde e segurança aos trabalhadores. Para fortalecer a dedicação e o empenho destes dois profissionais, o dia 27 de novembro foi adotado como o dia do técnico e do engenheiro de segurança. A data celebra o dia em que ambas as profissões foram regularizadas pelo Ministério do Trabalho por meio da Lei nº 7.410, de 27 de novembro de 1985. No entanto, os dois já desempenhavam suas funções muito antes dessa data, uma vez que os prevencionistas, como são chamados os profissionais de SST, sempre se preocuparam com o bem-estar no ambiente de trabalho. Além de atuarem na prevenção de acidentes de trabalho, o técnico em Segurança do Trabalho e o engenheiro de Segurança do Trabalho, único profissional…

Aderir a um programa de demissão voluntária é vantajoso?

O programa de demissão voluntária é um incentivo dado pela empresa para que o colaborador rescinda o contrato de trabalho por iniciativa própria. Para tanto, a empresa oferece àqueles que aderirem ao plano, dentro do prazo estipulado, além das verbas devidas em virtude do pedido de demissão, algumas vantagens adicionais. Essas vantagens são previamente estipuladas pelo plano e podem ser de diversos tipos, como, por exemplo, uma indenização ou ainda a manutenção de alguns benefícios por um tempo determinado. A adesão ao plano se mostra vantajosa principalmente para o colaborador que já pensava em pedir demissão ou que deseja novos desafios. Aos demais cabe ponderar os fatores envolvidos. Em uma conjuntura de crise, com prováveis dispensas, embora a legislação preveja mais vantagens econômicas ao trabalhador que é dispensado do que àquele que pede demissão, no caso concreto, um plano de demissão voluntária que contemple, por exemplo, a manutenção do plano de saúde por um determinado tempo p…

Ergonomia: Custo ou Investimento?

Imagem

Direção defensiva - DDS.

Imagem
Esse filme é muito bom, vale apena assistir




FIEP - pede “suspensão imediata” da norma NR-12 de segurança no trabalho”.

A Federação das Indústrias do Paraná (Fiep) quer a “suspensão imediata” da Norma Regulamentadora 12 (nr-12), do Ministério do Trabalho, que define regras para a segurança do operador de máquinas e equipamentos. Na avaliação do presidente da Fiep, Edson Campagnolo, essa é uma das medidas que podem “começar a melhorar o ambiente de negócios no país”. O pedido foi feito na manhã desta quarta-feira (18) aos ministros do Planejamento, Nelson Barbosa, e do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Armando Monteiro. Em reunião, Campagnolo e os presidentes da Confederação Nacional da Indústria (CNI), Robson Andrade, e da Federação das Indústrias de Santa Catarina (Fiesc), Glauco Côrte, apresentaram sugestões “que consideram possíveis de serem adotadas pelo executivo como forma de enfrentar a crise atravessada pelo país”, segundo comunicado enviado pela Fiep. A nr-12 não pode causar uma paralisia na produção da indústria, o que vai dificultar ainda mais a retomada do crescimento do país. E…