Somos membro de equipe multidisciplinar de segurança do trabalho com vasta experiência em projetos de gestão na área da Prevenção de Acidentes, possuímos portfólio completo visando assessorar sua empresa na tomada de decisões relacionadas a SMS.
Desenvolvemos projeto de Segurança e Prevenção, acompanhamos o andamento dos trabalhos e realizamos treinamentos.
Contato:
marciovaitsman@yahoo.com.br - marciovaitsman@gmail.com - http://twitter.com/SMSeg
PEDOFILIA, DENUNCIE. DISQUE 100

10 de fevereiro de 2016

Cuidado com o CTRL C + CTRL V.

Alguém teria um modelo de PPRA de Posto de Gasolina?
 
Prontamente, um colega do grupo de discussão ou um colega mais próximo acaba enviando modelos, na boa intenção de ajudar.
 
Ao receber tais modelos vê seu problema resolvido, pois já se encontram ali os risco e as medidas a serem adotadas para o Posto de Gasolina, e até em um pensamento inocente, ele considera que são iguais para todos os Postos de Gasolina, além disso, pode ser também que esse nosso profissional somente tenha ido ao local para fechar o serviço com o cliente e só voltará com o documento pronto para entrega, sem efetuar nenhuma verificação e/ou avaliações.
 
Na errônea comparação de que aquele modelo pode ser aplicado para qualquer Posto de Gasolina, acaba esquecendo que cada estabelecimento tem sua particularidade e seus riscos, que, conforme a atividade do posto haverá semelhanças, mas diferentes condições, funções com atribuições incompatíveis com elas, associações de outros agentes e processos de trabalho, a utilização de produtos químicos diferentes, nocivos, entre tantas outras diversidades.
 
As consequências que um PPRA mal elaborado pode causar são devastadoras, pois pode ter sido deixado de ser reconhecido um risco ambiental que, provavelmente, acarretará em prejuízos futuros aos funcionários expostos, culminando em processos trabalhistas, em indenizações e, certamente, na responsabilização civil e criminal do profissional que o elaborou solidariamente com o dono da empresa ou estabelecimento que contratou o serviço.
 
Paulo Leal.
 


Para uma categoria profissional a tristeza de não haver vencido é a vergonha de não ter lutado.
 
 
 
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

As informações disponibilizadas nesse Blog são de caráter genérico e sua utilização é de responsabilidade exclusiva de cada leitor.