Beleza verdadeira – Reflexão.


À medida que a gente cuida da própria alma, ela vai ficando naturalmente mais saudável plena e bonita. E a beleza dessa plenitude se expressa no corpo da gente, e no trabalho e nas coisas que se faz, e nas relações que se tem, e no contentamento com que se saboreia a vida.
 
Então, quanto mais contente, menos egoísta e guloso a gente fica, tem mais a oferecer do que a tomar, menos a consumir e sempre o melhor de si para dar.
 
Mas a maioria inverte a lógica dessa sabedoria. Tenta engolir o mundo para satisfazer o seu vazio, encaixar o corpo numa beleza artificial, insustentável, inverossímil, e enganar o espírito com bugigangas como quem engana uma criança.
 
“Ao natural, cresce a grama”, ensina um milenar provérbio oriental. Do seu crescimento, nada se escuta nada se percebe imediatamente, se pisoteada, resiste, se cortada, ressurge.
 
Porque o vigor vem da raiz firmada sob a terra. Assim, o verdadeiro encanto, que provoca admiração em todos, emerge da salutar harmonia de uma alma bem cuidada no dia a dia.
 
E agora, o ano novo chegou e com ele as novas promessas, planejamos, projetamos, arquitetamos, desejamos para o inicio do próximo ano praticamente as mesmas coisas.
 
Mas esse ano pedirei coisa diferente, pedirei sabedoria, serenidade e estratégia, que a classe dos técnicos em segurança reencontre os caminhos em defesa da profissão e que lutemos para criação do nosso próprio conselho profissional.
 
 
"Prevencionista, se você gostou, seja um seguidor e compartilhe com seus amigos e um dia verá que essa sua atitude fez parte da sua história”. 

Comentários

Postagens mais visitadas

O USO DO LEITE COMO DESINTOXICANTE NAS INDÚSTRIAS – DDS.

Fábula da xícara cheia – DDS de reflexão.

QUANTO CUSTA UM ACIDENTE? – DDS