Exposição ao amianto - DDS.

Todos os que trabalham na construção civil ou na manutenção ou limpeza de edifícios estão potencialmente em risco de exposição ao amianto.
 
O que é o amianto?
 
Amianto é a designação corrente de um grupo de minerais.
 
As fibras de amianto são muito resistentes ao calor e foram usadas durante muitos anos em: Materiais de isolamento térmico, em pavimentos e revestimentos; têxteis, papéis e cartão à prova de fogo; discos das embreagens e calços dos travões; produtos em fibrocimento; materiais de isolamento elétrico; equipamentos de proteção individual.
 
A utilização do amianto está hoje praticamente proibida no Brasil e na União Europeia, mas há ainda muito amianto instalado, o que significa que a exposição ao amianto ainda é possível.
 
Consequências para a saúde da exposição ao amianto:
 
As fibras de amianto podem afetar gravemente a saúde quando inaladas, podendo provocar a amiantose (ou asbestose), o cancro do pulmão ou o mesotelioma.
 
Não se conhecem níveis seguros de exposição ao amianto.
 
Quanto mais exposto se estiver, maior é o risco de desenvolver uma doença relacionada com o amianto.
 
O intervalo de tempo entre a exposição ao amianto e os primeiros sintomas de doença pode chegar a 30 anos (período de caracterização da doença). São hoje visíveis os efeitos da exposição ocorrida no passado.
 
Por exemplo:
 
Na Grã-Bretanha, morrem por ano cerca de 3 mil pessoas vítimas de doenças causadas por exposição ao amianto, destas 3 mil pessoas, 25% trabalharam nos sectores da construção civil ou da manutenção de edifícios.
 
Informação fundamental:
 
Se trabalhar nos setores da construção civil ou da manutenção ou limpeza de edifícios, pode estar em risco de exposição ao amianto.
 
Os locais onde habitualmente se encontra amianto são, normalmente:
 
Revestimentos e tintas texturados; pavimentos de linóleo; caldeiras com isolamento térmico; isolamento na estrutura metálica dos edifícios; ; tetos (corta-fogos nos vãos dos tetos); placas dos tetos; portas; isolamento térmico dos tubos, telhados; fachadas dos edifícios, incluindo caleiras, sofitos e revestimentos; rebordos e anilhas, que também podem ser forradas ou seladas com amianto; molduras das janelas, , etc.
 
 
"Prevencionista, se você gostou, seja um seguidor e compartilhe com seus amigos e um dia verá que essa sua atitude fez parte da sua história".

Comentários

Postagens mais visitadas

O USO DO LEITE COMO DESINTOXICANTE NAS INDÚSTRIAS – DDS.

Fábula da xícara cheia – DDS de reflexão.

QUANTO CUSTA UM ACIDENTE? – DDS